Exercícios físicos não prejudicam a amamentação

Hoje, o Família Coruja vai mostrar que as atividades físicas não são prejudiciais para a amamentação e que também não são motivos de um desmame precoce. Após o nascimento, muitas mulheres querem retomar rapidamente a forma física e perder os quilinhos ganhos durante a gravidez, mas ficam receosas de que as atividades físicas possam interferir […]

Hoje, o Família Coruja vai mostrar que as atividades físicas não são prejudiciais para a amamentação e que também não são motivos de um desmame precoce. Após o nascimento, muitas mulheres querem retomar rapidamente a forma física e perder os quilinhos ganhos durante a gravidez, mas ficam receosas de que as atividades físicas possam interferir na produção de leite. Mas isso não existe!

A amamentação e a prática de exercícios são atividades totalmente compatíveis. Se exercitar durante a lactação não afeta em nada o volume do leite, nem mesmo o desenvolvimento da criança e a saúde da mãe. Pelo contrário, com a prática de exercícios, as mães ficarão ainda mais disposta para enfrentar os desafios da arte de amamentar. É importante fazer os exercícios de forma correta, sem exageros, e na intensidade adequada.

A maioria dos obstetras orienta que as mães que tiveram parto natural podem retomar às atividades após 30 dias, de forma lenta e gradual. Já as que passaram pela cesariana, geralmente só estão liberadas após 60 dias para voltar à rotina das academias. No entanto, é sempre muito importante que cada mulher converse com seu médico para saber qual a melhor indicação no seu caso específico. Afinal, cada corpo tem suas peculiaridades.

Nos exercícios, há muita perda de líquidos. Por isso, a hidratação ganha muito mais importância. Os médicos orientam que as lactantes bebam cerca de três a cinco litros de líquidos por dia. Com a prática de exercícios, a orientação é que as mães aumentem a quantidade de líquidos ingeridos entre 20% e 30%.

Outra orientação das corujas: como durante a amamentação as mamas ficam maiores e mais pesadas, a indicação é que as mães usem tops de algodão para uma boa sustentação dos seios. Não há exercícios contraindicados. O mais importante é praticar exercícios sem que eles gerem incômodos e dores. Até mesmo malhar o peitoral é permitido. Afinal, os músculos das mamas ficam abaixo das glândulas mamárias. Logo, os exercícios específicos para o peitoral não prejudicam a amamentação.

E aí, curtiu nossa corujice de hoje? Então, nada de ficar parada. É hora de se exercitar! Até a próxima!